Image

PRESSÃO NO LARGO DO CARMO

No Largo do Carmo, em frente ao quartel do Comando Geral da GNR, Salgueiro Maia solicita a rendição de Marcelo Caetano.
 
O Capitão informa os ocupantes do Quartel do Carmo que têm 10 minutos para se renderem, caso contrário mandará abrir fogo.

Salgueiro Maia dá ordens ao tenente Santos Silva para ser feita uma rajada da torre da autometralhadora Chaimite “Bula”. Pelas 15h45 abre-se o portão do Quartel do Carmo e sai do quartel o major Belico Velasco para falar com o capitão Salgueiro Maia.

Soldados de Abril a entrar no quartel do Carmo, em Lisboa, no dia 25 de Abril de 1974, no largo do Carmo, Lisboa. Reconhece-se Salgueiro Maia de costas, no centro. [www.cd25a.uc.pt]